Em busca dos pães…

Passando pela pracinha perto de minha casa, onde ia comprar pães reparei em um casal, um casal lindo.
O menino era muito bem afeiçoado, todo extrovertido e carinhoso. Todos que passavam o cumprimentavam. Já a menina era tímida. Tinha cabelos bagunçados, roupas largas, porém nela se via o amor pelo garoto. Eles se abraçavam, se beijavam, conversavam e trocavam carinhos, a cada minuto se abriam sorrisos lindos naqueles rostos.
Fiquei ali parada por certo tempo, observando aquela linda cena. De repente observei uma feição de preocupada no rosto da menina enquanto o celular do seu namorado tocava. Ela tirou o celular de sua mão e o atendeu, logo escorreram lágrimas de seus olhos. Ela desligou o celular e ficou paralisada por segundos, sem ação alguma. Depois o entregou o celular.
Trocaram algumas palavras, ela gesticulava, gesticulava e ele ficava de cabeça baixa. Ela saiu limpando suas lagrimas e o deixou ali sozinho.
Aquele amor todo se destruiu com um telefonema!
Ah! Como eu queria saber de toda aquela história. Mas simplesmente me conformei e fui à busca dos meus pães.

POR: Louise Ribas

Anúncios

~ por 1efecep em 3 de dezembro de 2010.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: