Crônica: Felicidade Na Gravidez

Felicidade Na Gravidez

 

Clarisse e Manoel estavam em um restaurante, o mais caro da cidade, era uma noite linda só ouvia-se o barulho da cidade, automóveis, construções, vozes, etc. Depois de trabalharem o dia inteiro tinham resolvido ir a este restaurante para comemorarem a data de três anos de namoro.

Chegando no restaurante, o garçom já tinha lhes reservado a mesa, sentaram-se se encantaram com o lustre de cristal que estava pendurado no meio do restaurante sobre a mesa deles, dava para ver a alegria dela pelos olhos que brilhavam quando olhava para o lindo lustre, o garçom trouxe o cardápio era lindo feito de couro com um pouco de ouro em volta para enfeitar, só podia ser do melhor já que estavam no mais chique restaurante da cidade, pediram seus pratos prediletos, o garçom foi buscar, enquanto isso Manoel falava o que tinha feito no trabalho, enquanto ele falava, ela sem prestar atenção, até mesmo sem olhar nos olhos dele, interrompe-o e fala com um grande sorriso que estava grávida naquele momento quando ele ouve aquilo parece que o tempo para, a mão fica fria parece que ele congelou seus os olhos não piscavam, fica sem voz, depois que Clarisse falou, ela logo parou de sorrir pois seu namorado estava estranho ela nunca tinha visto ele assim agindo dessa maneira e pergunta se ele esta bem, depois de um silêncio que se espalhou pelo restaurante, ele responde que esta muito bem ela nunca tinha o visto tão feliz ele com um sorriso daqueles de fazer qualquer pessoa feliz diz que foi a melhor noticia que ele podia ouvir numa hora dessas ela na hora ficou muito alegre também começou a tocar uma musica no restaurante e começaram a dançar, dançaram a noite toda e no fim da noite que já havia sido uma das noites mais belas dela ele pergunta para ela se ela quer casar-se com ele, ela toda emocionada, via-se lagrimas escorrendo dos seus olhos, responde que sim, com certeza ela quer casar com ele então vão para casa.

Um mês depois com todos os preparativos prontos para o casamento, todos estavam aguardando a chegada da noiva a igreja, o altar estava coberto de rosas brancas, em volta tinham muitas luzes refletindo, todos olhando para a porta e o noivo aguardando-a, ela chega em um lindo carro todo branco coberto por flores, um carro imenso foi necessário fechar dez quadras entorno da igreja, pois era um grande casamento, ela entra na igreja todos ficam de pé, reparam na maquiagem, nos olhos da noiva, no vestido, no modo como anda e ficam encantados principalmente o noivo que diz nunca ter visto ela tão linda como estava naquele momento quando o padre manda eles se beijarem um coloca a mão sobre o outro e dão um lindo beijo, todos ficam emocionados, então eles saem por um tapete branco ela joga o buque e a irmã dela o pega, então os dois vão para sua lua-de-mel.

 

Raphael Stanczak

Anúncios

~ por 1efecep em 17 de novembro de 2010.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: